Somente a Deus toda a glória - Liderança Pastoral - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Liderança Pastoral > Somente a Deus toda a glória

Somente a Deus toda a glória


Publicado em 28.10.2014

O apreciado escritor Dr. W. Tozzer em seu livro "Cinco votos para se obter poder espiritual", ao se referir à glória de Deus, afirma que ela é semelhante a uma brasa incandescente colocada em nossa mão, passamos logo à frente, procuramos nos livrar dela para não sofrermos uma queimadura. Em Isaías 42.8, lemos: Eu sou o Senhor, este é o meu nome; a minha glória, pois, não a darei a outrem, nem a minha honra, às imagens de escultura. Correremos um sério risco quando perdemos a noção da glória devida a Deus.

Vejamos alguns exemplos bíblicos: Quando chegaram à eira de Nacom, estendeu Uzá a mão à arca de Deus e a segurou, porque os bois tropeçaram. Então, a ira do Senhor se acendeu contra Uzá, e Deus o feriu ali por esta irreverência; e morreu ali junto à arca de Deus (2 Samuel 6.6-7). A arca da aliança era o símbolo da presença de Deus. O fato de Uzá estender a mão à arca de Deus e a segurar, resultou na sua morte. A leitura de Atos 12.21-23 é impactante: Em dia designado, Herodes, vestido de trajo real, assentado no trono, dirigiu-lhes a palavra; e o povo clamava: É voz de um deus, e não de homem! No mesmo instante, um anjo do Senhor o feriu, por ele não haver dado glória a Deus; e, comido de vermes, expirou. Que morte horrível teve o rei Herodes pelo fato de querer receber a glória que não lhe pertencia.

A Bíblia é clara no seu ensino falando sobre a glória de Deus: Tu és digno, Senhor e Deus nosso, de receber a glória, a honra e o poder, porque todas as coisas tu criaste, sim, por causa da tua vontade vieram a existir e foram criadas (Apocalipse 4.11). Digno é o Cordeiro que foi morto de receber o poder, e riqueza, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e louvor. Então, ouvi que toda criatura que há no céu e sobre a terra, debaixo da terra e sobre o mar, e tudo o que neles há, estava dizendo: Àquele que está sentado no trono e ao Cordeiro, seja o louvor, e a honra, e a glória, e o domínio pelos séculos dos séculos (Apocalipse 5.12-13). Um dos mais belos salmos é o 24. O que lemos nos versículos 7 e 10? Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos, ó portais eternos, para que entre o Rei da Glória. Quem é esse Rei da Glória? O Senhor dos Exércitos, ele é o Rei da Glória.

O amor de Deus promoveu a vinda do seu Filho Unigênito ao mundo. Como isto aconteceu? E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai (João 1.14). Deus veio ao mundo na pessoa do seu Filho Jesus e nele vimos a sua glória. Que privilégio temos nós, em Cristo Jesus, o Verbo que se fez carne, a glória de Deus se manifestou.

Somente a Deus a glória.
Que o Espírito Santo nos faça entender isto. Quantas vezes queremos receber os aplausos, o reconhecimento, os elogios, as coroas. Ficamos frustrados quando, depois de pregarmos o sermão, de orarmos pelo enfermo, de fazermos a obra, ninguém se manifestar. Infelizmente ainda estamos buscando a glória e achamos que ela é nossa. Jesus foi bastante claro ao chamar nossa atenção para isto: Quem fala por si mesmo está procurando a sua própria glória; mas o que procura a glória de quem o enviou, esse é verdadeiro, e nele não há injustiça (João 7.18). Eu não procuro a minha própria glória; há quem a busque e julgue (João 8.50).

Que o Senhor nos ajude a vivermos para a sua glória: Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus (1 Coríntios 10.31), e a lhe darmos toda glória: Tributai ao Senhor, ó famílias dos povos, tributai ao Senhor glória e força. Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome; trazei oferendas e entrai nos seus átrios (Salmo 96.7-8).
Somente a Deus a glória.

Senhor, Deus meu, como tu és magnificente: sobrevestido de glória e majestade (Salmo 104.1). Com o nosso coração contrito reconhecemos que a glória é só do Senhor e com os nossos lábios o adoramos, dizendo: Ó profundidade da riqueza, tanto da sabedoria como do conhecimento de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis, os seus caminhos! Quem, pois, conheceu a mente do Senhor? Ou quem foi o seu conselheiro? Ou quem primeiro deu a ele para que lhe venha a ser restituído? Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém! (Romanos 11.33-36).

Texto originalmente publicado no site www.ipilon.org.br  e cedido gentilmente para o Instituto Jetro pelo autor. 

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site http://www.institutojetro.com/ e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com

Leia também
Eu sou livre 
O modelo de liderança cristã
Fundamentos da humildade de Cristo

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/lideranca-pastoral/somente-a-deus-toda-a-gloria.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: Somente a Deus toda a glória
Autor: Messias Anacleto Rosa

Mais Lidos

carregando...

Comentários