Artigos

Compartilhe

Tecnologia e Informática

www.suaigreja.com.br


Este artigo tem como objetivo passar dicas e informações sobre os recursos disponíveis para sites de uma forma geral. Você não precisa ser um “expert”em informática, mas é muito importante que entenda como um site pode e deve funcionar. Existe uma grande diferença entre ter um site só para mostrar aos membros que a sua igreja está online, e ter um site que atenda às diversas necessidades do dia a dia de uma igreja. Muita persistência será necessária até que os resultados apareçam, mas vale a pena investir seu tempo para oferecer serviços úteis aos membros da sua igreja.

É preciso pesquisar

Por que não começar visitando os sites de outras igrejas que estão utilizando a internet há mais tempo? Lá você poderá visualizar o que eles oferecem e aplicar técnicas similares para atender as suas necessidades específicas. De qualquer forma, sugiro a formação de um grupo de pessoas interessadas em levar o projeto adiante, pedindo que cada uma traga suas idéias e coloquem à mesa. Em seguida  agende uma reunião com a empresa desenvolvedora de sites. Esta reunião será de fundamental importância para que a empresa entenda melhor suas necessidades específicas e ofereça soluções. Evite empresas de “fundo de quintal”ou aquele sobrinho do amigo que está estudando e vai se formar em breve.

Definições

É preciso definir o que o site vai oferecer em termos de informações relevantes ao seu público alvo, ou seja, pergunte a si mesmo, por exemplo, o perfil do público. Quem irá atualizar as diversas páginas do site? Digamos que um sistema permita a criação de páginas para vários ministérios (exemplo: ministério infantil, de jovens ou de casais), é preciso que cada ministério conte com a participação de pessoas ligadas a ele para que as notícias, eventos, imagens e textos sejam levadas ao site e atualizadas constantemente. Imagine um site onde um jovem entra e todas as notícias relacionadas a ele (jovem) estão reunidas em uma área só deles, assim como as galerias de fotos, contendo apenas as fotos dos eventos da igreja que foram direcionados aos jovens. Se é assim, por que não envolver estes jovens para que eles mesmos atualizem as informações relacionadas a eles no site? Assim também deve ser para os demais ministérios e até mesmo para a administração da igreja. 

Somente pessoas cadastradas com login e senha poderão atualizar as páginas do site e aqui vale resaltar que não é preciso saber programar para atualizar o conteúdo de um site, ou seja, a partir do momento que uma pessoa foi treinada e aprendeu a inserir uma notícia, a segunda, a terceira ou a décima notícia serão sempre realizadas da mesma forma. Segue abaixo minha sugestão de sistemas e páginas que o site de uma igreja deve levar em consideração: ministérios, equipe pastoral, células, notícias, calendário de eventos, bíblia online, artigos, mensagens galeria de fotos, devocionais, pedidos de oração, em que a sua igreja crê, sua missão, seus valores, sua história, a localização da igreja, enfim, existem muitas possibilidades. Evidentemente que quanto maior for o número de páginas e sistemas, maior também será o investimento por parte da igreja.

Gostaria de levantar a questão de que alguns sistemas na internet podem parecer muito interessantes como por exemplo lojas vituais, cultos ao vivo e  rádio online, no entanto, eles envolvem um custo muito elevado de implantação e manutenção. Desta forma, aconselho os irmãos a utilizarem destes serviços somente se a igreja tiver o volume de produtos e uma demanda que justifique o investimento.  No caso de um culto ao vivo e rádio online, o ideal é que estes serviços sejam disponibilizados se houver estrutura técnica e de equipamentos próprios para que estas ferramentas possam ser oferecidas.

O poder de uma palavra na internet

Você já ouviu falar em links patrocinados? São aqueles que se destacam quando você faz uma busca. Concordo que são pagos, mas dependendo da palavra que você optar, você pode ser único e aparecer no topo por apenas alguns centavos e isto só é pago quando o visitante clicar de fato na sua chamada, ou seja, o seu site pode aparecer centenas de vez sem custo.  Evidentemente que existem palavras mais concorridas e o leilão de palavras pode atingir vários reais por um clique.

É capaz de você já ter se perguntado porque será que alguns sites são os primeiros a aparecerem nas suas páginas de busca? Especialmente aqueles não pagos que apareçem na primeira página da busca. Quando você for fazer um orçamento para o site da sua igreja, faça esta pergunta aos seus fornecedores e observe se eles tem o domínio sobre o assunto, pois é muito importante que o site seja desenvolvido de acordo com os padrões da web de hoje (webstandards). Outro aspecto importante para melhorar a sua classificação no ranking geral dos buscadores está diretamente relacionado a elaboração das “palavras chaves” que deverão ser inseridas nas páginas do site. Um ponto importante por exemplo é que as suas palavras realmente sejam relacionadas a sua atividade e se respeite o limite de 200 caracteres. De qualquer forma, é bom que você tenha ciência de que pode aumentar significamente o volume de visitantes no site de sua igreja utilizando-se deste serviços. Por último, vale a pena mencionar que existem muitas empresas especializadas em realizar este trabalho de otimização de sites.

E aí? Como saber se valeu a pena?

Depois de muito esforço e investimento, é preciso medir resultados. Uma boa maneira de se fazer isto é através de um sistema de estatísticas que funciona da seguinte forma: você informa o período desejado (de quando a quando) e o sistema de estatítiscas informa quantas visitas foram realizadas ao site. O sistema informa ainda quantas visitas foram diretas ou indiretas, ou seja, a primeira é quando os visitantes conheciam o endereço do site e a segunda se refere às visitas que chegaram até o site da sua igreja através de palavras chaves em sites de busca como por exemplo o Google. De qualquer forma, fica aqui registrado a dica de que aproveitar as estatísticas para mensurar resultados é de fundamental importância, até mesmo porque é preciso confirmar resultados para se adquirir o direito de novos investimentos. 

A web é muito dinâmica e não pense você que ao colocar um bom site no ar o seu problema está resolvido. Com o site pronto você está preparado para entrar em uma nova fase, cujos desafios são diferentes de tudo que você viu até agora. Será preciso saber o que é um “DHTML”, “AJAX”, “Rich Midia” “WebStandards” e outros termos técnicos que busquei evitar até o momento.

No próximo artigo vamos falar especificamente sobre as novas tecnologias e como elas podem auxiliar o seu site na busca por resultados reais na internet.

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site www.institutojetro.com e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com.

Leia Também:
Reconstrua seu site 
Construindo o site da igreja 
Tecnologia para apoiar a expansão do evangelho