Artigos

Compartilhe

Tecnologia e Informática

Uso do Google Docs na Igreja: passo a passo


Mesmo que você tenha a melhor das intenções, doe toda a energia do seu corpo ou faça milagres, (bom... com milagres talvez consiga) é complicadíssimo ouvir a opinião de várias pessoas ao mesmo tempo para tomar uma decisão. Dentro de grupos religiosos temos o mesmo problema, muitas vezes os líderes são obrigados a tomar decisões sem consultar seus membros, seja por motivos urgenciais, políticos, pessoais, etc. Contudo, se for por motivos práticos, pretendo aqui dar uma alternativa para levantar a opinião de um grupo de pessoas de maneira prática e razoavelmente confiável.

Uma das vantagens de se fazer uma pesquisa é que com base na opinião das pessoas do seu grupo fica mais fácil tomar uma decisão que contemple um grupo maior, mesmo porque, foram eles que responderam. Quando você usar dados para tomar decisões perceberá que é mais fácil entender o que as pessoas querem. As clássicas encruzilhadas ficam menos emaranhadas e assim uma decisão mais acertada pode ser levada a cabo.

Por outro lado, aqueles que se dispõem a montar um questionário para ouvir seus companheiros também terão para si consequências positivas, as pessoas entrevistadas verão que há um esforço sincero para que todos sejam ouvidos, o que, por fim, trará para o líder ou liderança a imagem de que aquilo que é decidido realmente é a vontade da maioria.

Todavia uma pesquisa é somente uma ferramenta, um instrumento para lhe auxiliar quando estiver em dúvida ou quando o risco daquilo que for decidido é alto demais para que somente um resolva pelo grupo.

De uma forma ou de outra, após o levantamento de dados, você terá que pensar no que fazer com aquilo que motivou inicialmente a fazer uma pesquisa. Por isso a importância de se ter uma ferramenta que o auxilie, de maneira confiável, a ter as respostas para seu problema.

A Google dentre uma imensidão de ferramentas disponíveis (Vide Google Labs) nos dá uma que resolverá uma parte dos seus problemas no que se refere a pesquisa: http://docs.google.com/ . Dentro desse site você terá acesso a grandes instrumentos para trabalhar com edição de Imagens, planilhas eletrônicas, apresentação de slides, editores de textos e formulários de pesquisa. Obviamente, para ter acesso a essas ferramentas será necessário ter uma conta Google. Assim, esse é o primeiro passo:

1° Criar conta Google

A maneira mais prática para criar uma conta Google é fazer um email Gmail.

  • Entre em gmail.com
  • Clique em "Crie uma conta agora"
  • Preencha os campos pedidos
  • Clique em "Aceito. Criar minha conta"
  • Se todos os campos forem preenchidos corretamente ele te direcionará para sua caixa de entrada.

2° Acessando seu Google Docs

Dentro da sua caixa de entrada no canto superior esquerdo, clique em "Docs"

  • Clique em "Criar novo"
  • Ao clicar você verá todas as opções que a Google lhe dá para trabalhar online. Aqui usaremos a opção "Formulário".
  • Ao clicar em "formulário", você verá a página abaixo.

3° Entendendo o formulário

A Google geralmente faz suas ferramentas o mais intuitível possível. Assim darei as explicações mais essenciais, pois ao usar você perceberá que as opções são realmente autoexplicáveis.

  • A caixa com preenchimento amarelo é o local onde você colocará as configurações da sua pergunta. Os três botões a direita são: Editar, Duplicar e Deletar.
  • Para adicionar mais uma pergunta você pode clicar em Adicionar item (explicações dos tipos no item 5°).
  • Também é possível mudar o fundo do questionário clicando em "Tema: Plain" (Como padrão o tema "Plain" já vem selecionado)
  • Os resultados da sua pesquisa podem ser vistos no botão "Ver respostas". Caso queira ver os dados já compilados escolha "Resumo", ou pode escolher "Planilha" para ver os resultados brutos.
  • No rodapé da página você tem um link que levará para o questionário publicado, exatamente como as pessoas que receberem o link verão. Inclusive esse link é o que você usará para que as pessoas possam responder sua pesquisa. 

                                                         

4° Tipos de perguntas:

O Google Form te dá algumas opções de perguntas:

  • Texto: Somente um espaço para a pessoa escrever um texto qualquer, geralmente quando você quer que ele escreva um texto pequeno como a idade ou a cidade onde mora.
  • Texto parágrafo: Uma caixa maior de texto, para incentivar a pessoa a escrever um texto maior, por exemplo, uma sugestão.
  • Múltipla escolha: A pessoa pode escolher uma opção dentre algumas que você deixa disponível. Pode ser usada, por exemplo, para Gênero (Masculino ou Feminino).
  • Caixas de seleção: Dá a possibilidade da pessoa escolher mais de uma opção dentre as disponíveis, pode ser usado, por exemplo, para escolher os pratos de comida favoritos.
  • Escolha de uma lista: É uma lista que abre quando a pessoa clica, funciona parecido com a opção "Múltipla escolha". 

  • Escala: Mostra uma escala para a pessoa escolher. Pode ser usado, por exemplo, para avaliar um evento entre Muito bom e péssimo, numa escala de 5 pontos. 

 Grade: Caso queria usar a mesma escala para uma série de quesitos, está é a sua opção.

         
5° Finalizando o questionário

Para que as pessoas respondam você pode usar o link do rodapé ou clicar em "enviar este formulário por email" e colocar o email dos seus respondentes. Simples assim!

6° Resultados

Para você acompanhar como está indo sua pesquisa, siga o mesmo caminho do início. Entre no seu email Gmail, clique em Docs, lá você encontrará a planilha com o nome que você colocou no campo "Formulário sem título" do seu questionário.

Esse arquivo lhe levará à planilha com as respostas daqueles que preencheram o questionário. Para ver uma compilação dos resultados clique em "Formulário"

Depois em "Exibir resumo de respostas".

A visualização automática dos resultados, geralmente, é superficial demais, então sugiro que você leve esses dados para o Excel, para poder entender um pouco mais dessas informações.

Finalizando nossa conversa, somente dois detalhes para você atentar-se:

  • 1- "Autopreenchimento está sujeito à autointerpretação". Assim teste o questionário, aplique com algumas pessoas antes de deixar disponível para todo mundo, assim você perceberá inconsistências e confusões que com certeza não descobriria sozinho.
  • 2- Na medida do possível avise antes que será enviado o questionário. Na média a taxa de retorno dos questionários gira em torno de 5%, ou seja, para cada 100 emails que receberem sua pesquisa somente 5 irão de fato preencher as perguntas, assim avisando antes talvez você consiga aumentar um pouco essa eficiência.

Como disse anteriormente, o Google Docs é muito intuitivel, então fica minha sugestão: TESTE TUDO!!! Crie vários questionários com perguntas de tipos diferentes, aperte todos os botões, faça tudo que der na telha! Assim, você verá as potencialidades que melhor se adequam ao seu problema.  Boa sorte!

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site http://www.institutojetro.com/ e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com.

Leia também
Tempo de decisão
Informática e liderança pastoral
Liderança Teocêntrica