Artigos

Compartilhe

Liderança Pastoral

Vencedor ou vítima?

Ao longo da vida enfrentamos uma série de situações diferentes, mas em todas elas a atitude que escolhemos tomar será sempre fundamental para o sucesso ou derrota em nossas vidas. Somos na verdade nós que escolhemos se seremos vencedores ou vítimas. Pois isso não tem tanto a ver com as circunstâncias em si, que podem mesmo ser terríveis, mas tem a ver sim, com a nossa atitude diante delas.

A Bíblia tem  muito a nos ensinar sobre isso, vejamos por exemplo o episódio ocorrido com Davi e seus homens, descrito em 1 Samuel 30.1-3:

"Quando Davi e seus soldados chegaram a Ziclague, no terceiro dia, os amalequitas tinham atacado o Neguebe e incendiado a cidade de Ziclague. Levaram como prisioneiros todos os que lá estavam: as mulheres, os jovens e os idosos. A ninguém mataram, mas os levaram consigo, quando prosseguiram seu caminho. Ao chegarem a Ziclague, Davi e seus soldados encontraram a cidade destruída pelo fogo e viram que suas mulheres, seus filhos e suas filhas tinham sido levados como prisioneiros."

Davi sente profundamente a dor daquela situação caótica. "Então Davi e seus soldados choraram em alta voz até não terem mais forças. " v.4

A situação  fica ainda pior para o líder . "Davi ficou profundamente angustiado, pois os homens falavam em apedrejá-lo;"v. 6 a

Davi sofre a sua própria dor, a dor dos seus liderados e agora a pressão da sua posição de líder que passa a ser acusado injustamente. A dor e a amargura cega as pessoas. "todos estavam amargurados por causa de seus filhos e de suas filhas."6b

Temos duas atitudes ou reações a tomar diante de situações como estas e ambas as opções estão descritas neste episódio bíblico.

a) A atitude de VÍTIMAS - Os homens de Davi se deixaram dominar pelo caos e por toda gama de sentimentos gerados pelo mesmo, o que incluiu rebelião, injustiças, murmuração, vitimização e consequente falta de reação para tentar  enfrentar a situação.

b) A atitude de VENCEDOR - Davi optou em resistir e reagir positivamente a todo o quadro de aparente derrota descontrolada.

Como vencedor Davi fez duas coisas:

Primeiro, ele fortaleceu-se no Senhor ou se encorajou no Senhor. "Davi, porém, fortaleceu-se no SENHOR, o seu Deus."6 c.

A oração e o derramar do coração na presença do Senhor. Ele certamente fez uma exposição de toda a situação na presença do Senhor. Nesse fortalecer e reanimar no Senhor está o renovar das forças e a obtenção de coragem para continuar a vida, isso já é vitória em si mesmo.

Segundo, ele buscou a direção do Senhor para aquele decisivo momento de sua vida. (vide versículo  7-8)

Esse buscar de Davi pode ser dividido em três passos, a saber:  o passo da fé -A confiança na  soberania de Deus, Davi buscou  a presença do Senhor exercitando a fé. O passo do compromisso - para cumprir a missão ou o propósito recebido. Ele se manteve à frente daqueles  homens (v. 9-10). E o passo da ação - para colocar em prática a vontade e estratégia do Senhor. Ele confiou, ele agiu, ele foi à luta batalhou e venceu.

Quando buscamos a direção do Senhor seguimos no caminho da vitória.

Ninguém pode derrubar você a não ser que você permita, a nossa atitude é responsabilidade  nossa.

Diante dos problemas que nos chegam sempre teremos a opção de nos deixar dominar pelas circunstâcias e permitir que elas nos derrubem, nos  transformando em vítimas ou reagir e assumir pela graça o controle sobre a nossa própria atitude diante da vida  na total dependência  do Senhor.

Davi nos ensina aqui a fazer sempre a segunda opção, nos lembrando que toda vitória dos servos do Senhor estava baseada em uma atitude pessoal vitoriosa.

Davi venceu, sua liderança passou por uma grande prova, mas  a Bíblia diz v. 19 "...Davi recuperou tudo".

Mas tudo começou quando ele decidiu não ser vítima, mas vitorioso no Senhor. Pois... "Davi, porém, fortaleceu-se no SENHOR, o seu Deus."6 c.

Essa  deve ser a nossa opção também.

Reprodução autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e a fonte como: http://www.institutojetro.com/ e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com.

Leia também
Estamos em luta, cuide-se
O stress no ministério pastoral 
Antes de desistir
O autocontrole do líder